Previsão do Novo Concurso do PC-CE 2018


  

Seleção deverá ofertar oportunidades para escrivão, inspetor e delegado.

É grande a expectativa para quem está esperando a abertura do novo concurso da PC-CE 2018, inclusive tem muita gente que já vem se preparando há alguns meses, tendo como base o edital que foi publicado na última vez que as vagas foram oferecidas. A vantagem é que assim, o candidato já vai se preparando, mas a desvantagens é que ele corre o risco de estudar algum conteúdo que não cairá desta vez. Mas geralmente o material é quase sempre o mesmo, mudando pouca coisa, por isso vale a pena começar a se preparar antes mesmo do edital ser publicado.

O concurso público da Polícia Civil do Ceará promete ser bastante concorrido e em fevereiro deste ano, o governador Camilo Santana chegou a anunciá-lo em uma entrevista que deu. Santana disse que o certame terá vagas para o cargo de delegado, escrivão e inspetor, porém, o governador não disse quantas vagas poderão ser abertas.

Ainda de acordo com o governador Camilo Santana, a Procuradoria Geral do Estado está fazendo a avaliação para determinar se será liberada ou não a convocação dos candidatos que fizeram o último concurso. Caso não seja possível contratar estes candidatos, então o governador pretende providenciar o quanto antes um novo concurso e prometeu que será para este ano.

Com esta declaração, tudo indica que o novo concurso público da Polícia Civil do Ceará seja realizado no segundo semestre deste ano. Quem já vinha se preparando para este concurso, deverá intensificar ainda mais a preparação, enquanto outros estarão começando agora. A questão é se a Procuradoria Geral do Estado determinar que deverão ser chamados aqueles que participarão do último concurso realizado. Neste caso, quem estiver estudando para este agora, estará perdendo tempo, ou então deverá esperar que um novo edital seja lançado, mas isto demoraria um bom tempo.




No dia 31 de janeiro deste ano, foi dado o primeiro passo para que a seleção fosse realizada, pois no Diário Oficial chegou a ser publicada a confirmação da liberação de verbas para que o novo certame fosse realizado. De acordo com o documento, R$ 4,5 mi seriam destinados para esta nova seleção, porém, o processo não teve continuação. A expectativa de quem espera a abertura deste novo concurso é que as vagas sejam semelhantes à do último concurso, que foi em 2014, quando 763 postos foram abertos e as oportunidades também foram para delegado, escrivão e inspetor.

Importante ressaltar que para estes cargos é preciso ter formação em nível superior, carteira de habilitação B ou superior. A remuneração para os cargos no concurso de 2014 foi de R$ 2.946,19 para inspetor e escrivão e de R$ 14.592,39 para delegado. A jornada de trabalho para todos os cargos é de 40 horas semanais e naquela ocasião a banca organizadora ficou com a Fundação Vunesp.

As provas de seleção para os cargos de inspetor e escrivão, foram objetivas na primeira fase e na segunda teve curso de formação profissional. Para os candidatos ao cargo de delegado, foi preciso fazer estas duas etapas e mais uma, onde foram aplicadas questões discursivas e também análise de títulos. Na segunda etapa, todos os candidatos passaram por sindicância de vida pregressa, quem se inscreveu para o cargo de escrivão teve que fazer prova prática de digitação, enquanto inspetor e delegado fizeram teste de capacidade. Ainda foi feita avaliação psicológica, depois o exame toxicológico e por fim a avaliação médica.

A prova objetiva para escrivão teve 8 questões sobre informações, 12 de direito constitucional, 14 de direito penal e 12 de legislação penal extravagante. A de inspetor teve 10 questões de língua portuguesa, 12 de direito constitucional, 8 de informática, 12 de direito administrativo, 12 obre direito processual penal, 14 de noções de direito penal e mais 12 questões sobre legislação penal extravagante.

Por Russel


Leave your comment