Detran-SP – Autorização do Novo Concurso Público 2018


  

Oportunidades serão para os cargos de assistente e oficial de trânsito.

No Estado de São Paulo, um novo concurso público está em processo de formação, conforme o que está anunciado no Diário Oficial, em sua edição do dia 25 de maio de 2018. Uma portaria foi autorizada diretamente do gabinete do governo daquele Estado, a qual garante a realização de um novo certame público que prevê a oferta de cargos no Departamento Estadual de Trânsito do Estado de São Paulo, o Detran de São Paulo. Trata-se de um aval que disponibiliza em torno de 575 vagas, das quais 375 se destinam ao cargo de oficial estadual do trânsito I e as demais 200 se destinam ao de agente estadual do trânsito I.

Estão aptos a concorrer ao posto de trabalho na carreira de oficial estadual do trânsito I todas as pessoas que apresentarem o diploma de ensino médio ou diploma de curso técnico, o qual necessita ter sido conferido por qualquer instituição reconhecida pelo Ministério da Educação e da Cultura, MEC. O vencimento inicial está na faixa de 1.863 reais.

Pessoas interessadas e que possuem diploma de graduação superior, nas diversas áreas profissionais da academia, portando a carteira nacional de habilitação, no mínimo na categoria B, estão aptas a concorrer ao cargo de agente estadual do trânsito I. O vencimento atual nesse posto é equivalente ao valor de 4.657,50 reais.

A próxima etapa dentro do processo de definição deste novo concurso público será a determinação da banca responsável pela organização.

Com relação aos atributos dos cargos ofertados neste novo processo de seleção, seguem as informações abaixo:




É parte do trabalho de oficial desempenhar diversas atividades em setores administrativos, atuando na verificação, no registro e na expedição de importantes documentos, tanto no que se refere aos veículos como às habilitações; trabalhar no atendimento direto ao público em unidades de trânsito existentes.

No que toca ao cargo de agente, serão trabalhos executados em diversos setores, tais como: área administrativa; área jurídica; área financeira; no departamento de recursos humanos; no controle dos credenciados e no setor de educação destinada ao trânsito. Outros setores indicam: trabalhos na vistoria dos veículos e no setor de examinador de trânsito, por meio de provas práticas para direção veicular. Em alguns setores será necessária a participação em cursos de formação específica, promovidos pelo próprio Detran.

De acordo com as informações obtidas do último concurso promovido nas mesmas áreas, realizado no ano de 2013, o edital publicado pelo Departamento Estadual de Trânsito do Estado de São Paulo contou com um número de 1.200 vagas, na ocasião, as quais estavam organizadas distributivamente como vagas de servidor público na área de agente e oficial.

Na mesma ocasião a banca organizadora ficou nas mãos da Fundação Vunesp, sendo que as vagas foram alocadas nos seguintes municípios: na Capital paulista; na região metropolitana e na cidade de Araçatuba; cidade de Araraquara; cidade de Barretos; cidade de Bauru; cidade de Botucatu; cidade de Campinas; cidade de Fernandópolis; cidade de Franca; cidade de Itapeva; cidade de Marília; cidade de Mogi Guaçu; cidade de Presidente Prudente; cidade de Registro; cidade de Ribeirão Preto; cidade de Santos; cidade de São José do Rio Preto; cidade de Sorocaba e em Taubaté.

A prova objetiva consistiu em um caderno com questões de múltipla escolha, versando sobre os conhecimentos de base e os conhecimentos específicos. Contou, também, com análise de títulos. Este é um dos melhores processos de seleção prestes a ser definitivamente oficializado.

Paulo Henrique dos Santos


Deixe seu comentário