Concurso PM MS 2018 – Vagas, Inscrições



  

Certame oferta 450 vagas para cargos de Nível Médio e Superior de ensino.

Quem almeja ser policial pode saber aqui a respeito de uma ótima chance. No estado do Mato Grosso do Sul a Polícia Militar (PM MS) publicou edital para seu próximo certame no diário oficial do dia 9 de abril (segunda-feira). No total, há 450 vagas para profissionais com ensino médio ou com graduação completa. A remuneração oferecida pode chegar a R$ 7 mil. Confira outros detalhes do concurso público a seguir.

Sobre como realizar a inscrição no certame da PM MS

Para se cadastrar na seleção é necessário acessar a página eletrônica da Fundação de Apoio à Pesquisa, ao Ensino e à Cultura de Mato Grosso do Sul (FAPEMS) – fundacaofapems.org.br/site/2018/04/concurso-policia-militar-ms-2018, banca responsável por organizar o concurso, e informar seus dados pessoais no formulário de inscrição.

O prazo de cadastro já começou desde o dia 13 de abril (sexta-feira) e estará aberto até a data de 8 de junho (sexta-feira). As taxas custam entre R$ 127,60 e R$ 204,16. É possível ser isento do pagamento.

Sobre as vagas previstas no edital do certame da PM de Mato Grosso do Sul

O edital anuncia 450 oportunidades a serem preenchidas. Desse montante, 50 são para oficiais e as demais para soldados. Há chances reservadas para cotistas negros e indígenas.

Quem for aprovado para o cargo de soldado, durante o primeiro no curso de formação terá direito a receber R$ 1.698,90. Após esse período, perceberá R$ 3.352,53. Aqueles que pretendem exercer a função de oficial, ao ingressarem nessa carreira, durante o curso de formação, terão um salário de R$ 3.641,92 no primeiro ano, em que será cadete da polícia militar, de R$ 4.006,11, no segundo ano, quando será aspirante a oficial da PM MS e de R$ 7.089,13 quando da conclusão dessa capacitação.

Quais são os requisitos?

Para o cargo de soldado é necessário possuir escolaridade de nível médio. Já para ser oficial, exige-se formação de nível superior no curso de Direito. Confira outros requisitos: estar em dia com as obrigações militares, no caso do candidato homem, possuir nacionalidade brasileira, estar em dia com as obrigações eleitorais, possuir carteira nacional de habilitação (CNH) de categoria B, possuir idade mínima de 18 anos e no máximo 30 anos para oficial, ter aptidão física e mental, entre outras exigências.

Sobre as atribuições




O soldado da PM do Mato Grosso do Sul tem como responsabilidades: realizar policiamento ostensivo, conduzir viaturas policiais, entre outras tarefas. Por sua vez, o oficial da polícia deve preservar a ordem pública, gerir recursos, apurar infrações, expedir e homologar documentos públicos, entre outras atividades.

Sobre as etapas do processo seletivo da Polícia Militar do Estado de MS

O certame será composto das seguintes etapas: 1) prova objetiva – a ser aplicada em 12 de agosto (domingo) para soldado e em 2 de setembro (domingo) para oficial, durante 4 horas, incluído o tempo de marcação de resposta. Haverá prova no município de Dourados e na capital do estado, Campo Grande; 2) exame psicotécnico; 3) exame médico; 4) teste de aptidão física; 5) investigação social da vida social, criminal e civil; 6) avaliação de títulos – apenas para os candidatos ao cargo de oficial da polícia militar.

As disciplinas cobradas para a função de nível superior são: português, medicina legal, raciocínio lógico, direito constitucional, administrativo, penal militar, processual penal, direitos humanos, direito processual penal militar e direito penal.

Já para o cargo de soldado as matérias cobradas são: conhecimentos gerais, português, matemática e raciocínio lógico.

Mais detalhes do certame da PM MS

A previsão de homologação do concurso público é para 21 de dezembro (sexta-feira). Para saber outras informações, acesse o endereço eletrônico da FAPEMS fundacaofapems.org.br/site/2018/04/concurso-policia-militar-ms-2018.

Esse certame será válido por 2 anos e poderá ser prorrogado uma única vez e a critério do governo do estado do Mato Grosso do Sul.

Por Melisse V.


Leave your comment