Novo Concurso MPU – Banca Organizadora em Seleção


  

Certame irá ofertar vagas de nível médio e superior. Salários deverão chegar a R$ 10 mil.

Os concursos públicos estão sendo abertos em grande quantidade no Brasil. O Ministério Público da União, MPU, já está próximo de publicar um novo edital para concurso público, no qual constarão cargos para nível médio e nível superior, ou seja, cargos de técnico e analista, respectivamente. Ainda não foi definida a banca organizadora, entretanto, a expectativa nesse sentido aponta para a banca Cespe/UnB. O edital está previsto para publicação ainda no ano de 2017. O cargo de nível médio oferece remuneração inicial de R$ 6.376,41. Já para o cargo de analista, o qual exige curso superior completo, o vencimento chega a R$ 10.461,90. Estes salários são iniciais, já que as carreiras, referentes a estes cargos, contam com ao menos quatro reajustes salariais até o ano de 2019.

Diversas instituições especializadas em cursos preparatórios já estão disponibilizando informações e aulas. Aos interessados compete adiantar-se nos estudos. Já estão disponíveis maratonas de aulas gratuitas pela internet. É importante que o candidato se dedique o quanto antes, pois o número de vagas ainda não foi divulgado ou definido, porém, a validade do concurso anterior tem duração até dezembro de 2017, ou seja, é uma oportunidade em ampla escala pelo tempo de disponibilidade de nomeações.

Concurso Anterior

O concurso anterior, para os mesmos cargos na MPU, realizou uma seleção de mais ou menos 263 cargos para os níveis médio e superior. As oportunidades de vagas se destinaram a cargos técnicos tais como: técnico em área técnico administrativa na especialidade de tecnologia da informação e comunicação ou técnico em cargo na área da saúde, como enfermagem e técnico em odontologia. Cargos efetivos, que garantem carreiras e estabilidade para a vida toda.

No caso de cargos para analista, a lista é extensa, englobando, entre outros, cargos em: especialidade arquivologia, analista na área técnico administrativa, cargo muito conexo com o de biblioteconomia e com o curso superior em biblioteconomia; educação, analista na área técnico administrativa, o qual exige curso em administração; psiquiatria, analista na área de perícia, que está na área de psicologia e medicina legal; comunicação social, analista na área técnico administrativa, cargo que está rigorosamente ligado aos cursos de sociologia e administração; psicologia, analista na área de saúde, que está atrelado à faculdade de psicologia e medicina; engenharia ambiental, analista na área de perícia, que está conexo com um dos cursos superiores mais disputados na atualidade; desenvolvimento de sistemas e analista na área de tecnologia da informação e comunicação, que exige graduação em informática, enfim, muitas outras graduações, mais de 40 especialidades distribuídas em vagas específicas, ou seja, o rol de cursos superiores que podem ser abarcados neste concurso é grande, abrindo uma série de oportunidades para diversos estudantes universitários que sofrem com o desemprego geral, nesta crise pela qual o país passa.




O concurso para cargos efetivos no Ministério Público da União, realizado em 2013, ofereceu vagas em 21 Estados do Brasil, além do Distrito Federal. É interessante que o candidato tenha em mente que existem muitos servidores prestes a se aposentarem compulsoriamente, o que ocasiona, ao longo do prazo de validade do concurso, mais nomeações. É um concurso encorajador pelas especialidades acadêmicas que exige e pelos altos vencimentos. A banca anterior foi Cespe/UnB.

Conforme estatística oferecidas por alguns sites especializados, mais de quatro mil candidatos foram aprovados e nomeados entre 2010 e 2013. As provas foram de caráter objetivo e discursivo (redação).

A vida não é fácil, porém, toda tentativa de vencer na vida produz frutos.

Paulo Henrique dos Santos


Deixe seu comentário