Concurso terá lotação em São Paulo e deverá ser realizado em breve.

No Brasil, o número de concursos públicos em aberto aumentou nos últimos meses, sendo um sinal de melhora nas ofertas empregatícias. Está autorizada a abertura do Concurso TRT 15, isto é, um setor que faz parte da seção administrativa e extraordinária do órgão especial pertencente ao Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região. Assim, de acordo com as normas, foi aprovada, em conjunto com a autorização, a primeira redação do edital TRT-15 de 2017 e 2018, ainda sujeita a modificações, além de contar com a contratação da banca FCC, definida como organizadora do processo seletivo.

A autorização para o recente certame, promovido pelo Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região, havia sido previamente anunciada logo no início do mês de Agosto de 2017, surpreendendo a todos na vida pública, devido ao fato de que o último concurso para esse setor tem validade prorrogável até no início do ano de 2018. Diante dessa grande surpresa fica claro que existe certa urgência, da parte do órgão em questão, em promover um novo processo de seleção o mais brevemente possível, no sentido de nomear o quanto antes novos servidores, durante o ano de 2018. Foi publicado no Diário Eletrônico da Justiça do Trabalho – DEJT, edição do dia 17 de agosto de 2017, um documento similar que tornava válido, por meio de autorização, o Concurso TRT 15, no interior de São Paulo, assim como foi, também, estabelecida a banca organizadora da FCC para este processo seletivo.

Embora o anterior concurso público para Tribunal Regional do Trabalho 15ª Região, que ocorreu no ano de 2013, disponibilizasse apenas duas vagas para preenchimento imediato, foram mais ou menos 400 candidatos convocados para nomeação em cargos efetivos. Portanto, este é um certame que abre muitas possibilidades de emprego. De todos os convocados, 278 pessoas foram chamadas para ocupar cargo de Técnico Judiciário, na área Administrativa. Outro grupo, com 112 pessoas desse mesmo contingente, foi convocado para o cargo na área de Analista Judiciário no setor Judiciário, e as nove pessoas restantes foram convocadas para assumir cargo de Analista Judiciário em setor Administrativo. As sedes administrativas em que foram publicadas as devidas convocações de candidatos são: setor de Bauru; setor de Campinas; setor de Jundiaí; setor de Piracicaba; setor de Ribeirão Preto; setor de São José do Rio Preto; setor de São José dos Campos e setor de Sorocaba.




Conforme uma pesquisa estatística realizada por meio do Tribunal Regional do Trabalho 15ª Região, no interior do Quadro dos Servidores do mesmo órgão, mais de 89 cargos em vacância foram rastreados, sendo que, mais ou menos 90% dessas vagas foi consequência de aposentadoria compulsória. Como já foi abordado, o certame de 2013 tem prazo de validade estendido até o dia 18 de fevereiro de 2018. A relação de cargos e os respectivos números de vagas para preenchimento segue abaixo, conforme a lista dos setores do TRT 15ª Região, dentro do quadro de servidores: Analista Judiciário com 20 vagas; cargo de Oficial de Justiça Avaliador com 16 vagas; cargo de Técnico Judiciário com 45 vagas e cargo de Segurança Judiciária com oito vagas.

Para reforçar as informações sobre este concurso público é importante salientar novamente o seguinte: o número de vagas está a ser definido; as lotações serão em São Paulo; os valores das remunerações iniciais são de 10.119,00 reais e de 11.822,00 reais; a banca organizadora é de responsabilidade da FCC; a escolaridade exigida está entre Ensino Médio e Curso Superior.

Em geral, os candidatos são avaliados por meio de provas objetivas, ou seja, provas de caráter classificatório e eliminatório. A outra fase se dá por meio de prova discursiva, um determinado estudo de caso ou a escrita de uma redação, conforme o grau do cargo em concorrência.

Por Paulo Henrique dos Santos


Deixe seu comentário